< VOLTAR ATRÁS

Caniche

-País de Origem: França

O nome Caniche deriva da actividade a que este cão se dedicava, ou seja, caça de pássaros aquáticos, o que lhe valeu a alcunha de “chien à cane” (cão de caça de patos) ou “canichon”, originando o termo caniche. Também é denominado de “cão carneiro”, devido ao aspecto do pêlo. Segundo Buffon, a sua origem será africana. Descenderá do Barbet do Norte de África, introduzido pelos árabes na Península Ibérica, onde terá sido cruzado com o Cão de Água português. Mais tarde difundiu-se por toda a Europa, estabelecendo as suas raízes em França. A FCI reconheceu oficialmente, em 1963, este país como berço da raça. Nesse mesmo ano, foi publicado um standard. Em 1922, fora já criado um clube de Caniches em Paris. Foi inicialmente utilizado como cão de caça de água, depois tornou-se, no Grande Século, “Cão de Madame”, cão de salão sob Luís XV, sendo miniaturizado sob Luís XVI. Distinguem-se quatro tipos de acordo com o tamanho, mas o Grande Caniche tornou-se mais raro em proveito dos Caniches de pequeno tamanho (anão e o miniatura, ou toy). Atingiu grande popularidade nos séculos XIX e XX. Adaptando-se a todos os tipos de vida (caça, circo, divertimento…), o caniche foi o cão de companhia mais difundido no mundo. Mas, infelizmente, essa predilecção conduziu a uma reprodução excessiva em detrimento da qualidade Portanto, potenciais donos deverão estar atentos.

 

Cabeça

Distinta, rectilínea, proporcionada em relação ao corpo. Crânio ligeiramente convexo. Crista occipital pronunciada. “Stop” pouco acentuado. Chanfro rectilíneo. Lábios um tanto secos. Cor da trufa em combinação com a da pelagem.

Olhos

Em avelã, ligeiramente oblíquos. Pretos, castanhos muito escuros a marfim escuro, conforme a cor do manto.

Orelhas

Bastante compridas, pendentes ao longo das faces, cujas pontas atingem a comissura dos lábios. Recobertas por pêlos ondulados muito longos.

Corpo

O seu comprimento ultrapassa a altura do garrote. Pescoço solido, ligeiramente arqueado. Não tem barbela. Peito bem descido. Dorso curto, nem curvado, nem com concavidade exagerada. Rim firme e musculado. Garupa arredondada, mas não caída. Ventre elevado.

Membros

Musculados, boa estrutura óssea. Pés pequenos, de um oval curto. Dedos arqueados. Unhas de cor variável.

Cauda

Inserção alta. Encurtada em um terço ou pela metade nos caniches com caracóis. Conservada natural nos caniches com cordões de pêlo. Elevada obliquamente quando em acção.              

Pêlo

- Encaracolado: abundante, de textura fina, lanoso, bem frisado. Espesso, bastante farto, de comprimento uniforme, formando anéis de pêlo iguais.

- Em forma de cordões: abundante, de textura fina, lanoso, cerrado, formando cordões curtos de pequeno diâmetro, bem definidos, de comprimento igual, devendo ter pelo menos 20 cm.

Pelagem

Preta, branca, castanha, cinzenta e cor de damasco. O castanho, cinzento e damasco devem ser uniformes.

Tamanho

Grande ou “royal”: entre 45 e 60 cm

Médio: entre 35 e 45 cm

Anão: entre 28 e 35 cm

Miniatura (toy): menos de 28 cm

Peso


Raça pequena e média.

Grande ou “royal”: aproximadamente 22 kg (raça média)

Médio: aproximadamente 12 kg (raça média)

Anão: aproximadamente 7 kg (raça pequena)

Miniatura (toy): menos de 7 kg (raça pequena)

Temperamento, aptidões e educação

Activo, desportivo e alegre, este cão bastante extrovertido é o exemplo da alegria de viver. Muito atento e inteligente, a sua fidelidade é lendária, mas é possessivo. Dotado de uma grande capacidade de adaptação e sociável, o seu bom carácter torna-o num agradável cão de companhia. Conservou as suas qualidades de cão de caça, nadando muito bem e com um faro muito desenvolvido. Se a educação não for firme, poderá tornar-se difícil. 

Conselhos

Gosta tanto do campo como da cidade. Detesta a solidão. Escovar e pentear diariamente. Cão bastante asseado. Necessita de banho uma ou duas vezes por mês. Inspeccionar regularmente as orelhas. Cuidados de beleza de dois em dois meses. Várias tosquias são praticadas: “em leão”, “moderno”, na qual o pêlo é cortado em comprimento uniforme em toda a extensão do corpo, à inglesa (braceletes) e puppy (leão com calças). O caniche não apresenta perigos de muda de pêlo.

Funções

Cão de companhia.

               

 

Caniche Caniche